Tuesday, April 04, 2017

Amor é perrengue

Se você não é uma pessoa louca de tacar pedra e, no amor, está com medo de ser inconveniente, por estar ligando fora de hora, saiba de uma coisa: amor é isso mesmo. É perrengue, é convívio com tudo o que o outro tem de bom e de ruim. É surpresa, é tolerância e a necessidade de balanço constante. É ter o direito de aporrinhar e o dever de cuidar, e de dizer que está se sentindo aporrinhado(a), se for o caso. Exerça seu direito e não se furte ao seu dever, que já é meio caminho andado para o amor andar bem das pernas.